8/09/2020

Movimentos sociais doam 2 toneladas de alimentos ao HRO

Na manhã deste sete de setembro eis que movimentos sociais realizaram entrega de mantimentos ao Hospital Regional do Oeste.

Ao todo cerca de 2 toneladas entre hortifruti, além de 500 litros de leite longa vida, feijão, farinha, temperos, entre outros. As doações são oriundas de agricultores familiares de Chapecó e região, cuja ação organizada pelo MST, Movimento Sindical, Sindicato da Saúde, Pastorais Sociais da Diocese de Chapecó, CUT e Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público.

O presidente da Associação Hospitalar Lenoir Vargas Ferreira, entidade filantrópica que administra o HRO, Rogério Getúlio Delatorre manifestou gratidão ao importante gesto de solidariedade das famílias de agricultores e movimentos sindicais.

“Nosso trabalho é bem servir à comunidade com serviços de qualidade, pois temos como missão defender os interesses sociais indistintamente. Vosso gesto de vir até o hospital neste sete de setembro demonstra o quanto o povo é solidário, e é com solidariedade que construímos o melhor a cada dia. Nossa gratidão a todas e todos que estão estendendo a mão neste importante gesto de doar em favor do semelhante”, disse o dirigente.

Também esteve presente o bispo da diocesano de Chapecó, Dom Odelir José Magri o qual abençoou os alimentos, extensiva bênção aos colaboradores das comunidades, funcionários e pacientes do HRO.

Dom Odelir também deixou mensagem de fé e esperança ante o momento que o mundo passa, combatendo a indiferença e defendendo a vida em primeiro lugar.

Dom Odelir atualmente também é presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial, da CNBB.